A história da vila de Pescadores do Cumbuco, não foi muito diferente de outras diversas realidades pelo Brasil afora. O que marca na Vila é o fato da presença dos pescadores, gente que vive há muito tempo no lugar, ainda ser existir. Mesmo estando dentro do perímetro do município de Caucaia, que foi habitado inicialmente por etnias Tupi e Tapuia, como os Potygaura, Tapeba Jenipapo e outros, o Cumbuco no início era uma parte mais reservada desse conjunto.

O acesso dificultava o contato maio,r tanto com o centro de Caucaia, quanto com Fortaleza. Vai ver, é por isso que tantas belezas estão preservadas até hoje, fazendo da ilha um lugar com atrativos paradisíacos. As pessoas mais antigas que vivem no Cumbuco dizem que, o nome em tupi-guarani significa, “onda longa e baixa”. Se esse é mesmo o significado, não se sabe. Só há uma certeza: foram essas ondas, esse ventos e o conjunto de tanta beleza que fizeram gente do mundo inteiro fincar raízes na ilha e que ainda hoje conquistam outro mar de pessoas que vem conferir de perto os encantos da da praia.

Só em 1978, é que foi vendido o primeiro lote do Loteamento do Cumbuco. Ano em que foi inaugurada oficialmente a Colonia de Pescadores do Cumbuco. Foi daí que nasceu a praia do Cumbuco, com a diferença de que nenhum pescador foi expulso de sua terra, para dar lugar a expansão da região. Hoje o Cumbuco continua crescendo e se desenvolvendo.

Um espaço rico em infraestrutura turística. Com investimentos da iniciativa privada e das três esferas do poder público. Crescimento associado a práticas sustentáveis de conservação do meio ambiente e manutenção dos costumes locais. Então não perca tempo e aproveite os encantos da Vila.